10 erros comuns das noivas de primeira viagem

Para evitar erros comuns, o Guia separou para a “noiva de primeira viagem” 10 dicas que poderão orientar seus primeiros passos nessa aventura grandiosa e gratificante que é organizar a cerimônia e festa do casamento. A ideia é evitar alguns equívocos básicos de quem está nessa jornada pela primeira vez, tomando decisões acertadas para garantir o sucesso do Grande Dia.

Erros comuns das noivas

  1. Esteja aberta a sugestões. Ouça a “voz da experiência”, seja de quem já se casou ou de um assessor profissional, antes de tomar uma decisão importante, como a escolha do local, do vestido, do buffet, etc. Divida suas dúvidas com seu noivo também. Ele precisa participar desse momento.
  2. Pense em você! Lembre-se: o ponto de partida é o SEU sonho. Como você imagina o seu casamento? As opções são infinitas, mas se você começar pelo que você sempre quis, em vez de tentar agradar só aos outros ou viver o sonho de outra pessoa, ficará mais fácil fazer as escolhas certas.
  3. Pense nos seus convidados! Eles também investirão tempo e dinheiro para participar do seu Grande Dia. E também são parte importante dele. Sonhar com um casamento em Paris é lindo, mas será que seus parentes e amigos poderão participar?
  4. Não escolha o vestido de noiva antes de definir o local do evento. Ele é um dos fatores que determinam o estilo do casamento. Há também questões básicas, como o tamanho do espaço, o caminho que a noiva irá percorrer, se é fechado ou ao ar livre, como é o piso, etc.
  5. Não faça dietas radicais e de última hora. Mais do que um “corpinho sarado” você precisará de saúde para o casamento. Dos erros comuns das noivas esse pode ser o mais perigoso! O ideal é começar um plano de exercícios e dieta saudável com, pelo menos, seis meses de antecedência e, de preferência, com acompanhamento médico e nutricional.
  6. Seja clara, mas não seja muito rigorosa com as regras sobre celulares e mídias sociais. Hoje em dia é quase impossível evitar o “vazamento” de detalhes do evento nas redes, seja nos dias anteriores, durante ou após. Leia mais em Celular no Casamento: Desligar ou Não?
  7. Intervalo grande entre cerimônia e recepção. Se a cerimônia for muito distante do local da recepção ou se vocês forem fazer fotos, trocar de roupas, etc. entre a primeira e a segunda parte do casamento, certifiquem-se que os convidados serão bem recebidos e atendidos durante esse intervalo. Um bom serviço de buffet e de entretenimento (DJ, músicos, apresentador etc.) são essenciais nesse momento para evitar que os convidados percam a empolgação. Peça aos padrinhos ou parentes mais próximos que fiquem atentos.
  8. Mesmo que você seja uma adepta do “Faça Você Mesma” (DIY) e precise economizar, cuidado para não exagerar. Eventos com visual excessivamente “improvisado” podem passar uma mensagem negativa. Além disso, algumas providências da organização são muito trabalhosas e exigem dedicação até as últimas horas antes, como a decoração de flores. Nesse momento, você irá preferir estar em seu dia de noiva a ficar carregando vasos de plantas de um lado para o outro. Improvisos com a animação e com o serviço de foto e filmagem também podem ser desastrosos!
  9. Não seja econômica demais com as lembrancinhas. Claro que “não está fácil para ninguém”, mas as lembrancinhas do casamento devem, ao menos, combinar com o estilo do evento. Não fica bem, após um evento luxuoso, por exemplo, os convidados receberem uma lembrança simplória. Afinal eles também investiram em produção, presentes e até viagens para dividir esse momento com você. À medida do possível, a lembrancinha precisa demonstrar a gratidão dos noivos.
  10. Cuidado com os “custos invisíveis”. Na hora de montar o orçamento, tente deixar uma reserva para gastos que não estão na planilha principal, mas que poderão surgir ao longo da organização, como taxa de ECAD, transporte pessoal ou serviços de entrega, convidados de última hora, ajudantes extras, imprevistos com o buffet, bolo, vestido, etc.

Dos erros comuns na organização do casamento esse é clássico!

Só mais uma dica para finalizar: nada de estresse! Detalhes que não funcionarem exatamente como o planejado não devem tirar o brilho do evento. A noiva não pode se prender nem se angustiar por casa de pequenos incidentes. Eles são comuns em um evento dessa dimensão. O importante é que, no “balanço geral” os noivos, parentes e convidados tenham tido um dia maravilhoso e inesquecível!

Marcelo Martins

Web designer e redator

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *