Noivos Indenizados por Falta de Luz no Casamento

O juiz Saulo Versiani Penna, da 4ª Vara da Fazenda Pública e Autarquias de Belo Horizonte, determinou que a Cemig (Companhia Energética de Minas Gerais) pague uma indenização de mais de R$ 123 mil a um casal que se casou no escuro, por falta de energia elétrica no local do evento.

O casamento aconteceu em agosto de 2008. Após dois anos de planejamento, estava tudo pronto para receber os cerca de 700 convidados em um clube às margens da lagoa da Pampulha. Às 17h, cerca de duas horas antes do evento, houve uma queda de energia. Como o clube não dispunha de gerador, a recepção teve que acontecer no escuro mesmo.

Renata deverá receber indenização por falta de energia | Foto: reproduçãoA noiva Renata Marco Antonio alegou que familiares e responsáveis pelo cerimonial fizeram várias ligações para a companhia de energia mas não foram atendidos. A luz só foi restabelecida à 1h da madrugada, com o aluguel de um gerador. A companhia afirmou que não foi possível evitar o transtorno pois o blackout ocorreu por causa de fortes chuvas e descargas elétricas no sistema da região metropolitana.

A Cemig ressaltou que pessoas diligentes se previnem com o aluguel prévio de gerador. Segundo o Tribunal de Justiça do Estado, a indenização deverá ser de R$ 63 mil reais pelos danos materiais e R$ 60 mil pelos danos morais sofridos. A Cemig ainda pode recorrer da decisão.

Em outro caso, ocorrido no Rio Grande do Sul em janeiro de 2009, a Rio Grande Energia S.A. foi condenada a pagar duas indenizações, uma por danos materiais (R$ 11,1 mil) e outra por danos morais (R$ 3 mil), pela demora no restabelecimento da energia durante uma festa de casamento. Por volta das 22 horas, faltou energia no local do evento. Mais de 400 convidados aguardavam no salão mas a energia só foi restabelecida às 3h30.

Nos dois casos, fica também a lição: prevenir é sempre a melhor solução. Na dúvida, confira se o espaço que você está contratando para seu casamento (salão, sítio, etc.) tem gerador próprio ou algum plano de contingência para o caso de falta de energia. Garanta que esse tipo de informação esteja prevista no contrato para evitar maiores transtornos.

1 Resultado

  1. Jairo disse:

    Ola, sou empresario da marca Supra Geradores em Fortaleza

    Ja vi possíveis clientes nao alugarem um gerador e no dia da festa faltar energia.
    acaba todo o casamento os convidados vão embora, todo por nao ter alugado um gerador .
    Sei que sou suspeito para falar mas, ja vi isso na pratica

    Atenciosamente

    jairo sales

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *