Log-in:
(?)

Os Bem-casados

Sua Avaliação: (?)
5
Votos: 0
Pontos: 0

A tradição do bolinho mais disputado do casamento

Os bem-casados são bolinhos recheados que são distribuídos aos convidados do casamento como sinal de gratidão e para trazer sorte aos noivos. Saiba mais sobre a tradição, sua origem e como distribuir

Os bem-casados e o casamentoSem dúvida, eles são os doces mais disputados do casamento. Os bem-casados chegaram ao Brasil na época da colonização, vindos de Portugal, onde a iguaria leva o nome de casadinhos. A receita é simples: trata-se de um bolinho redondo, feito de farinha de trigo, geralmente recheado de doce de leite ou baba de moça e coberto de açúcar. Na sua versão mais tradicional, esse docinho costuma ser embalado em papel crepom, preso por uma fita de cetim.

A tradição manda distribuir bem-casados entre os convidados para atrair sorte e prosperidade para os noivos. Além disso, é um símbolo da gratidão do casal pela presença de todos nesse momento tão importante. Em muitos casamentos, os bem-casados saíram da mesa de doces e ganharam status de lembrancinhas, quando costumam ser embalados em elegantes caixinhas de metal, acrílico, vidro, madeira, etc. Uma opção simpática e econômica!

Como distribuir os bem casados?

Mesmo nas recepções mais simples e informais, como Coquetéis, Brunchs ou o famoso Bolo e Champanhe, os simpáticos docinhos marcam sua presença. A forma de entregar os bem-casados aos convidados vai depender da intenção dos noivos. Se forem usados como lembrancinhas, será preciso controlar a quantidade. Assim, é melhor encarregar alguém para entregar o docinho na saída dos convidados ou colocá-los nas mesas, antes da recepção. Os bolinhos também podem ser distribuídos durante a recepção, como sobremesa, ou serem colocados em um aparador para que os convidados se sirvam à vontade, no decorrer do evento (nesse caso, capriche na quantidade: de dois a três por convidado!).

Não se sabe bem ao certo a origem dos bem-casados. Há quem afirme que eles são descendentes dos alfajores árabes, assim como os multicoloridos macarons franceses. O fato é que esses bolinhos, que simbolizam a “doce união” do casal, a cada dia se renovam, ganhando sabores surpreendentes e recheios os mais variados, como brigadeiro, beijinho e, mais recentemente, geleia de frutas vermelhas. O bem-casado é mesmo uma deliciosa tradição do casamento que veio de longe para ficar!

Guia de Casamento

© Todos os direitos reservados

Compartilhar:
Multicotação
Publicidade


Compartilhe: