Log-in:
(?)
> > > Lua de mel em Cotas

Lua de mel em Cotas

Sua Avaliação: (?)
5
Votos: 1
Pontos: 5

Um presente de casamento inesquecível

Dentro das inovações do mercado de turismo está a lua de mel em Cotas, interessante para quem já empenhou suas reservas na festa do casamento ou para quem prefere ganhar a viagem de presente.

A lua de mel deixou de ser um luxo para poucos e está se tornando cada vez mais acessível. Vários formatos de pacotes de viagem, desenvolvidos pelas agências e operadoras turísticas, visam facilitar o pagamento dessa que é a continuidade da festa de casamento e da noite de núpcias.

Dividindo a lua de mel em cotasDentro das mais recentes inovações do mercado de turismo voltado aos noivos está a “Lua de Mel em Cotas”, muito interessante para quem já empenhou todas as suas reservas na festa do casamento ou para quem simplesmente prefere ganhar, parcial ou integralmente, a viagem dos recém-casados. É ideal também quando, ao tentar reservar uma graninha para a viagem, o orçamento não fechou. Este método foi inspirado no costume americano e oriental de oferecer dinheiro ao casal, em vez de presentes como eletrodomésticos e utensílios do lar.

O funcionamento é bem simples: O casal vai à agência ou operadora turística que trabalha com o sistema de lua de mel em cotas e escolhe um pacote turístico, e não paga nada por ele. Em contra partida, o casal recebe vários cartões tabelados com valores fixos, em uma determinada escala de nomes (por ex: Bronze, Prata ou Ouro). Os nomes e valores dessas cotas variam de acordo com cada empresa. Os cartões deverão ser entregues pelos noivos aos seus convidados.

Os convidados poderão escolher um faixa de valor, efetuar um depósito em conta e notificar (via fax, e-mail ou telefone) a agência ou operadora turística que administra o sistema que, por sua vez, prestará contas ao casal sobre andamento das cotas.

Caso o montante arrecadado não atinja o valor do pacote escolhido pelo casal, eles terão que complementar o valor do pacote por meios próprios. Porém, se o total ultrapassar o valor do pacote, o casal terá que “gastar” a diferença comprando serviços da agência ou operadora turística - pode ser desde uma locação de carro até um novo pacote turístico.

Um grande diferencial deste sistema é oferecido pela Principal Operadora Turística, que inicia o seu processo de forma idêntica ao do mercado: o casal vai até a agência, escolhe o seu pacote de lua de mel e recebe os cartões para os convidados participarem do sistema de cotas.

Porém as faixas de valores e nomes das cotas podem ser determinadas pelos noivos (por ex: ao invés de Bronze - R$ até 100,00, Prata – R$ até 200,00 e Ouro - R$ até 300,00, pode ser Harmonia – R$ 50,00, Felicidade - R$ 100,00 e Amor – R$ 150,00). É possível também deixar que o próprio convidado estipule o valor cota.

Outra novidade da lua de mel em cotas da Principal Operadora é que os convidados fazem os depósitos dos valores diretamente na conta corrente dos noivos e depois notificam a empresa de turismo, que administra essas cotas através de um sistema próprio, via Internet. A operadora publica as informações do movimento em seu site, em uma área fechada, para controle dos noivos. Além dos noivos receberem o valor das contribuições diretamente, eles só irão começar a pagar a viagem trinta dias após a festa do casamento.

A Neo Turismo, também oferece uma opção bem interessante: após fechado o contrato, é colocado um link na página “Lua de mel em cotas”, no site da agência, com o nome dos noivos. O convidado clica no link onde será direcionado para uma página específica com informações sobre o casamento e como proceder para adquirir as cotas. Nesta página será colocada uma foto do casal e as informações serão previamente autorizadas pelos noivos. Os depósitos serão feitos diretamente na conta indicada pelo casal. E após a confirmação do depósito, a Neo Turismo envia por e-mail um comprovante de aquisição das parcelas para o convidado. E os noivos podem optar por serem informados a cada depósito ou através de um relatório periódico.

Uma enquete do Guia de Casamento revelou que, para a maior parte dos casais, viajar após o Grande Dia é indispensável. O sistema de lua de mel em cotas surgiu para atender aqueles que, mesmo pensando assim, não desejam que a viajem seja um peso no orçamento a ponto de prejudicar os outros itens do casamento e o orçamento da vida a dois.

Guia de Casamento

© Todos os direitos reservados

Compartilhar:
Multicotação
Publicidade


Compartilhe: