Log-in:
(?)

Casamento em Agosto

Sua Avaliação: (?)
5
Votos: 0
Pontos: 0

Em vez de desgosto, a noiva pode ter vantagens ao se casar em agosto

Diversas superstições e até fatos históricos contribuem com a ideia de que agosto é o mês do desgosto. Mas a noiva que não se importa com isso pode até tirar vantagem ao fazer seu casamento no período

Casando em agostoDe todas as superstições ligadas ao casamento, talvez a que mais preocupe as noivas seja a que relaciona o mês de agosto ao azar. Por causa disso, muitas preferem não realizar seu casamento no período. Mas aquelas que não se importam com esse tipo de crendice podem até tirar vantagens em se casar no oitavo mês do ano.

Mês do cachorro louco!

Veio de nossos colonizadores portugueses a ideia de que se casar em agosto traz má sorte para o casal. No século XIV as mulheres evitavam o matrimônio nesse período porque era a época em que os navios partiam para as explorações e o comércio. Assim, as noivas dos marinheiros corriam o sério risco de ficar sem a lua de mel ou até mesmo viúvas!

Alguns fatos históricos ocorridos em agosto ajudaram a reforçar os temores relacionados ao chamado “mês do desgosto”, como o martírio de São Bartolomeu, ou apóstolo Natanael (51d.C), o massacre da Noite de São Bartolomeu (França, 1572) e o ataque nuclear às cidades japonesas de Hiroshima e Nagasaki (1945). Mas se você pesquisar direito, vai encontrar histórias ruins em todos os meses do ano, provavelmente na mesma proporção!

Um mês de vantagens

A verdade é que as noivas que resolverem encarar o desafio de se casar em agosto poderão até encontrar diversas vantagens, tais como:

1. Economia: agosto está na chamada “entressafra dos casamentos”. Por ser pouco procurado pelas noivas, o mês acaba se tornando um atrativo para aquelas que desejam economizar com o evento e não se importam com superstições. Dá para aproveitar as promoções nos diversos produtos e serviços, do buffet à lua de mel, e ainda pechinchar.

2. Agenda: o oitavo mês do calendário costuma ter mais disponibilidade de datas nas igrejas e espaços para casamento. Assim fica mais fácil escolher um dia e horário ideal para realizar seu grande sonho.

3. Clima: Ok, o inverno não é a estação predileta das noivas. Mas o casamento na estação mais fria do ano também traz vantagens, como a menor frequência de chuvas e o friozinho que proporciona mais elegância nos trajes e um cardápio diferenciado.

4. Santo Antônio: Pouca gente sabe, mas o santo casamenteiro nasceu em Lisboa, Portugal, no dia 15 de agosto de 1195. Em junho é celebrada a sua morte (ou seu “nascimento para uma nova vida” como se diz dos santos católicos). Que tal aproveitar a data para fazer uma média com o aniversariante? Casando em agosto dá até para pensar numa “festa agostina”, no melhor estilo caipira ou sertanejo.

6. Força do amor: realizar o casamento em agosto pode ser uma boa oportunidade para os noivos que desejam mostrar a todos que seu amor é mais forte e pode vencer qualquer obstáculo ou superstição.

Guia de Casamento

© Todos os direitos reservados

Compartilhar:
Multicotação
Publicidade


Compartilhe: