Log-in:
(?)
> > > Superstições de Casamento

Superstições de Casamento

Sua Avaliação: (?)
5
Votos: 1
Pontos: 3
As superstições de casamento atravessam culturas e religiões e, mesmo tendo origem ou eficácia duvidosa, muitas delas costumam marcar presença dos preparativos ao grande dia. Conheça algumas delas

Praticamente todas as manifestações sociais são cercadas de tradições e simbolismos. Muitas dessas tradições têm sua origem na religião, na crença popular, no folclore e nas superstições. A ideia de que certas coisas podem trazer boa sorte ou azar vem desde o início dos tempos, está presente em todas as culturas e, quase sempre, segue lado a lado com as convicções religiosas.

As superstições estão em muitas atividades sociais ligadas ao futuro próximo das pessoas e que demandaram uma tomada de decisão importante, como o casamento. Muitas noivas seguem os costumes populares somente por força da tradição (como o vestido de noiva branco) ou por precaução, outras acreditam fielmente que essas práticas dão resultados reais, trazendo coisas boas ou protegendo contra o mal.

De origem religiosa ou comercial, pela prosperidade ou fertilidade, independente do motivo, o fato é que, mesmo na correria dos preparativos, noivos, pais, padrinhos e convidados reservam sempre um tempinho para seguir antigas tradições e simpatias, cuja origem é duvidosa ou simplesmente já se perdeu no tempo. Veja abaixo algumas das superstições de casamento mais famosas, que o Guia de Casamento (pelo sim, pelo não) separou para você:

  • A tradição da chuva de arroz nos noivos O noivo não dever ver a noiva com o vestido do casamento antes do evento.
  • Em algumas culturas, a noiva permanece com o véu no rosto durante toda a cerimônia. Dizem que, por causa disso, os judeus costumam levantar rapidamente o véu da noiva logo no início da cerimônia, para se certificar que está casando com a pretendente certa.
  • Mesmo que os noivos já vivam juntos, devem passar a noite anterior ao casamento separados.
  • O noivo deve chegar sempre à igreja antes da noiva e deve entrar no lugar primeiro com o pé direito.
  • A noiva deverá usar uma coisa velha, uma coisa nova, uma coisa emprestada e uma coisa azul. Como diz a rima em inglês: “Something old, something new, something borrowed and something blue.” O velho simboliza o passado e a continuidade, o novo representa otimismo, esperança para a vida futura, o emprestado é a felicidade que deverá ser partilhada pelo casal e o azul, a fidelidade, amor eterno e pureza.
  • Noiva chorando no dia do casamento é bom sinal. Essas deverão ser as últimas lágrimas que derramará ao lado do amado.
  • Os noivos cortam juntos a primeira fatia de bolo do casamento para assegurarem uma vida de partilha.
  • Tocar nos noivos no dia do casamento traz boa sorte. Diz-se que nesse dia o casal é abençoado por Deus (e não é?)
  • Atirar arroz ou pétalas de rosas nos noivos garante fertilidade ao casal
  • Quem duvida que aquela que pegar o buquê da noiva é a próxima a casar?
  • Ao entrar na casa nova, o noivo deve carregar a noiva nos braços e entrar primeiro com o pé direito, pois dá azar a noiva tropeçar logo na entrada.

Superstições do Vestido de Noiva

  • A noiva não pode participar da confecção de seu próprio vestido.
  • Em alguns países, acredita-se que a noiva não deve fazer mais do que uma prova do vestido de casamento escolhido ou que está sendo confeccionado (essa é difícil!)
  • A noiva não pode colocar o vestido totalmente pronto antes do dia do casamento. Nem que fique faltando um botãozinho para colocar ou um detalhe para prender.
  • Ter o nome bordado na barra do vestido da noiva pode atrair casamento para a mulher solteira.

Guia de Casamento

© Todos os direitos reservados

Compartilhar:
Multicotação
Publicidade


Compartilhe: