Manthus para gordura localizada e celulite

Manthus reduz gordura localizada e celulite ajudando você estar linda no vestido de noiva.

Ansiedade, várias provas de buffet podem atrapalhar no ajuste perfeito do tão sonhado vestido de noiva. Mas não se desespere! O Manthus pode ajudá-la a reduzir medidas e estar linda no dia de seu casamento.

Juliana Alves, Isis Valverde e a rainha de carnaval Shayane Cesário são algumas das celebridades que já apelaram para o tratamento.

O que é o Manthus?

O Manthus, é um equipamento computadorizado com cabeçote tripolar, que gera correntes estéreo-dinâmicas e de ultrassom, e ajuda a amenizar a celulite e diminui a gordura localizada. Através da transmissão de uma corrente elétrica, o aparelho atinge até 4 cm da camada de gordura abaixo da pele. O procedimento afina as membranas das moléculas de lipídio, liberando água. A hidrólise de lipídio, que é a “quebra” da molécula de gordura pela água, é que age diretamente no ataque e remoção da gordura localizada.

Para tanto, reúne três importantes mecanismos: correntes elétricas (que estimulam o sistema linfático), eletroporação (ondas eletromagnéticas que abrem os poros para facilitar a penetração de princípios ativos específicos contra a gordura localizada) e ultra-som (ondas de calor que aceleram o metabolismo local).

Para que serve o Manthus?

O Manthus é indicado principalmente para diminuição da gordura localizada e da celulite grau I, II e III.

Também recomendado para períodos pós-operatórios de cirurgias plásticas, retirada de hematomas e fibroses. No pós–operatório, o Manthus mostra-se uma alternativa para aumentar a velocidade de reabsorção de hematomas e prevenir a ocorrência de aderência, além de participar efetivamente no processo de cicatrização, pois aumenta o transporte de íons cálcio, que inicia a degranulação dos mastócitos, a liberação de histaminas e outros agentes quimiotáxicos, os quais promovem, além da cicatrização, a remoção do coágulo.

Os efeitos estéticos do Manthus devem-se exatamente à combinação de diferentes técnicas. A absorção da onda ultrassônica provoca uma alteração na membrana da célula de gordura, levando à sua redução. Com isso, ocorre melhora na circulação sanguínea e maior aporte de oxigênio. Por fim, a corrente elétrica permite que as toxinas sejam eliminadas mais rapidamente.

O Manthus é contra-indicado para crianças, gestantes, hipertensos ou diabéticos descompensados, para pessoas que possuam alteração de sensibilidade no local da aplicação e problemas vasculares (trombose venosa e tecidos isquêmicos), na presença de tumores malignos ou infecções e para portadores de marca-passo e implantes metálicos.

Quantas seções são necessárias para ver os resultados do Manthus?

Os resultados variam de pessoa para pessoa. Normalmente pacientes que apresentam bastante retenção de líquido obterão melhores resultados. Bem como pacientes com gordura localizada na faixa abdominal. Não há como colocar em centímetros quanto um pessoa irá perder ou não. Alguns perdem 10 cm contando-se todos os locais de tratamento e outros perdem 3 ou 4 centímetros. E isto é relativo a cada pessoa e suas necessidades. Se possível tire fotos de antes e depois para visualizar melhor os resultados. Ao final de cada 10 sessões deve-se realizar uma avaliação entre profissional e o paciente e juntos decidirem a continuidade ou não do tratamento. Para celulite os resultados costumam ser bastante satisfatórios. Há uma boa melhora após 10 sessões e continuando-se o tratamento a melhora é gradual e progressiva. Dependendo do grau da celulite ela pode desaparecer completamente.

Para redução de gordura localizada e celulite, são indicadas a cada paciente em média 10 A 15 sessões em cada região, em uma frequência de 2 a 3 vezes por semana. Em alguns casos, já é possível ver resultados na primeira seção. Eu fiz e na primeira seção reduzi 1 cm de abdômen, na terceira seção tive uma redução de mais 3 cm.

No entanto, é importante lembrar que o efeito varia de acordo com o biótipo de cada pessoa, seu metabolismo, alimentação e hábitos de vida. Para aperfeiçoar os resultados é indicado conjugar ao tratamento dieta e exercícios físicos.

Nestas sessões deve-se utilizar o programa SONOPHASYS e também o programa PHONO-IONTOPORAÇÃO. Normalmente aplica-se 2 sessões com SONOPHASYS para cada uma de PHONO-IONTOPORAÇÃO. Isto pode variar de acordo com o paciente. No meu caso, é uma de cada. Na PHONO-IONTOPORAÇÃO deve-se SEMPRE utilizar uma Melange (um gel com ativos) de acordo com a indicação (gordura localizada ou celulite).

Qual o tempo indicado para cada seção?

O tempo indicado para utilização do Manthus é de 20 minutos para evitar penetração excessiva das ondas e dos produtos, pois uma maior exposição ao mecanismos do aparelho podem ocasionar efeitos secundários, tais como: redução do nível de glicose no sangue, fadiga, irritação, anorexia, stress e até tendências a resfriados (acredita-se que estes efeitos podem ocorrer em doses excessivas).

Manthus doi?

Antes de fazer eu fui pesquisar e apesar de encontrar muitas referências informando que o Manthus é indolor, eu posso dizer por experiência própria que o Manthus dói sim, dependendo da potência utilizada e região. A boa notícia é que conforme as seções vão passando a dor diminui e você até consegue aumentar a potência. Ah! Tem uma seção que não doi nada é praticamente uma massagem, quando é utilizado o programa PHONO-IONTOPORAÇÃO.

A dor deve-se a alguns fatores como: potência utilizada, sensibilidade da pessoa, época do mês (mulheres em período pré-mestrual ficam mais sensíveis) e pela concentração de gordura, ou seja, onde tem mais gordura doi mais. Mas é possível fazer com uma potência menor que vai ser menos dolorido ou indolor mas também os resultados demoram um pouco mais.

Se alguém já usou Manthus e tem um experiência diferente, conte para nós.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *